Descubra como montar um cronograma de estudos para concursos

Tempo de leitura: 3 minutos

Descubra neste artigo como montar um cronograma de estudos para concursos

Olá querido concurseiro, professor Wallace de Bem aqui e hoje vou mostrar como montar um cronograma de estudos para concursos público para mandar muito bem em todas as provas.

como montar um cronograma de estudos para concursos

Se você não entende o porquê de, ainda, não ter conseguido passar em um concurso público, saiba que grande parte desse problema poderia ser resolvido com um simples cronograma de estudos. Isso mesmo, um planejamento que vai nortear os seus objetivos em determinados períodos em prol de resultados positivos nas provas.

Entre as principais dificuldades encontradas pelos concurseiros é a falta de organização diante de tantas matérias a serem estudadas e revistas. Muitos se sentem perdidos e admitem, até, não terem tempo suficiente para se dedicar mais ao concurso público que vai prestar.

Todavia, quando se faz um cronograma mensal ou semanal, o problema é solucionado, consideravelmente, e as chances de aprovação aumentam. Isso acontece porque a preparação e a dedicação se tornam mais produtivas e eficientes.

Sendo assim, descubra agora como colocar esse método em prática e conseguir a tão sonhada vaga em um cargo público.

Organize-se

Muitas pessoas devem se perguntar o que é um cronograma de estudos. Esse esquema nada mais é do que um planejamento da sua rotina de estudos para o concurso público. Nele, você irá definir, e deixar bem evidente, o que e como vai ver e rever o conteúdo que precisa compreender para a prova.

Frente a isso é imprescindível que ele seja feito da seguinte forma:

Planilha – O cronograma em forma de planilha é mais eficiente porque organiza informações como horários, disciplinas a serem estudadas, bem como pausas de descanso. Porém, para que isso seja feito de forma assertiva é necessário que o candidato tenha um calendário em mãos para que seja possível ver os dias e datas.

Com esse acessório em mãos, divida a planilha e os horários em três turnos (manhã, tarde e noite). Separe os compromissos fixos como trabalho e estudo e que, portanto, não podem ser remanejados. Nos dias e horas livres comece a distribuir os seus estudos.

Distribuição – Estipule horários para estudar cada matéria em um dia ou, até mesmo, separe um dia para cada conteúdo. É importante fazer pausas de 10 minutos de 1 em 1 hora. Isso ajuda na concentração.

Não se esqueça de separar uma hora diária para rever o conteúdo que já foi estudado nos dias anteriores. Assim, as informações estarão sempre frescas na sua memória.

Folgas – Com o calendário em mãos, veja quais os dias que são feriados e quais você vai folgar. Sim, folgar. Não pense que estudar direto, sem pausas, é uma boa ideia. Pelo contrário. O candidato precisa ter momentos de relaxamento pleno, ou seja, sem livros e sem pensar em estudos. Isso é fundamental para um excelente desempenho na prova.

Matérias – No decorrer de sua jornada de estudos é possível observar quais os horários em que você tem mais rendimento. Sendo assim, separe esses períodos para estudar as matérias mais difíceis e de complicada compreensão.

As matérias básicas e que tenha mais facilidade de absorção, sempre deixe por último, pois é uma forma do candidato ir desacelerando o organismo e, assim, se preparar para descansar.

Guia Fui Aprovado

Como dica final recomendo que você conheça o método criado pelo concurseiro Kalebe Diosinio, o guia prático para passar em concurso público em 01 ano, clique aqui para conhecer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *